NOTÍCIA - Policial/Acidente

21 de abril de 2017 | MENOR | MAIOR | |

Funcionário diz que matou patrão porque levou 'dura' no serviço

Funcionário diz que matou patrão porque levou 'dura' no serviço

A Polícia Militar prendeu na tarde desta quarta-feira (19), o funcionário de uma loja de forro de Nova Xavantina (645 km de Cuiabá), acusado de assassinar a facadas o gerente do estabelecimento, Felipe Artur Coelho da Silva, de 23 anos.

O crime ocorreu na noite de terça-feira (19), na casa da vítima, que fica anexa a loja.

André Vidal, de 19 anos, confessou aos policiais ter cometido o crime e mostrou onde havia jogado a faca que usou para matar o gerente.

Ele admitiu ainda, conforme a PM, que assassinou o chefe após ter levado uma “dura” para ter mais atenção no trabalho sob risco de ser demitido.
O suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Nova Xavantina, onde deve prestar depoimento e, posteriormente, ficará à disposição da Justiça.
Ele irá responder por homicídio qualificado por motivo fútil.

O crime

De acordo com o boletim de ocorrência, o suspeito foi até a casa da vítima e desferiu diversos golpes de faca contra ele.
O gerente não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Um amigo da vítima contou à polícia que tentou evitar a fuga do suspeito atirando em direção dele, mas sem acertá-lo. O funcionário porém, conseguiu fugir.
O corpo do gerente foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) e deve ser encaminhado para Barra do Garças (509 km de Capital), onde residem os familiares.

Funcionário diz que matou patrão porque levou 'dura' no serviço
Fonte: Querência em Foco com NX1 e Assessoria

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.