NOTÍCIA - Policial/Acidente

06 de outubro de 2017 | MENOR | MAIOR | |

Mulher tenta se matar, mas é raptada e estuprada em VG.

Ele teria deixado carta de despedida ao namorado; à PM, não conseguiu passar características de agressor.
Mulher tenta se matar, mas é raptada e estuprada em VG.

Uma mulher identificada como S.K.S.L., de 26 anos, alega ter sido estuprada na noite de quinta-feira (5), após ser encontrada perto da Ponte Sérgio Motta, em Várzea Grande. Ela teria ido ao local para cometer suicídio.

Conforme o boletim de ocorrência, o namorado da jovem foi quem acionou a Polícia Militar, após encontrar, em sua casa, uma carta deixada pela mulher. Segundo ele, na carta, a garota se despedia e dizia que iria tirar a própria vida.

Após rondas nos possíveis pontos onde S. poderia estar, os policiais encontraram o carro dela próximo à ponte.

Uma pessoa abordou a guarnição e disse ter visto uma mulher do outro lado da ponte, pedindo por socorro.

De acordo com o BO, os policiais então solicitaram apoio de mais uma viatura, para que fosse até o local, e lá encontram S.K.S.L., próximo a um matagal, em estado de choque e com várias escoriações pelo corpo.

Ela contou aos PMs que um desconhecido a agarrou e a levou para o matagal e, em seguida, a estuprou.

Segundo ainda o boletim, a garota estava muito “abalada” e “transtornada” e, por isso, não conseguiu fornecer detalhes sobre as características do agressor para os policiais.

Uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) esteve no local e encaminhou a mulher para o Pronto-Socorro de Várzea Grande.

Ela foi medicada e liberada em seguida.

Posteriormente, foi encaminhada para a Central de Flagrantes, para prestar esclarecimentos e registrar a ocorrência.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Mulher tenta se matar, mas é raptada e estuprada em VG.
Fonte: Querência em Foco com JAD LARANJEIRA

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.