NOTÍCIA - Agronegócio

09 de outubro de 2017 | MENOR | MAIOR | |

Demanda mundial de fertilizantes chega a 182 milhões de toneladas.

A demanda atual por fertilizantes no mundo é de aproximadamente 182 milhões de toneladas.
Demanda mundial de fertilizantes chega a 182 milhões de toneladas.

A demanda atual por fertilizantes no mundo é de aproximadamente 182 milhões de toneladas, de acordo com levantamento feito pelo Portal GlobalFert. Segundo essa pesquisa, o nitrogênio (N) é o nutriente mais consumido em toda a produção agrícola, que é liderada (60%) pela China, Índia, Estados Unidos e Brasil.

A China, com quase 1,4 bilhão de habitantes, é o maior consumidor de nutrientes N, fósforo (P) e potássio (K). “Nos últimos 20 anos o consumo de fertilizante no gigante asiático quase duplicou, devido ao manejo intensivo das áreas agrícolas para a produção de alimentos”, apota o GlobalFert.

A Índia é o segundo maior consumidor de N e P e o quarto de K em razão da baixa concentração de nutrientes no solo indiano. Os EUA, um dos principais fornecedores de alimentos, combustíveis e fibras do mundo, é o terceiro maior consumidor de N e o quarto de P e K.

O Brasil, superpotência agrícola devido a abundância de terras e água, é o quarto maior consumidor de N e o terceiro de P. Por possuir solos com deficiência de K é o segundo maior consumidor do nutriente. Em agosto, o País importou 2,36 milhões de toneladas de fertilizantes, de acordo com o mesmo GlobalFert. O resultado representa aumento de 5% em relação ao mês anterior, quando haviam sido adquiridas 2,25 milhões de toneladas no exterior.

Na comparação com agosto de 2016, as importações de fertilizantes foram 4% maiores. No acumulado dos oito primeiros meses esse aumento sobe para 27% na relação com o ano passado.

Demanda mundial de fertilizantes chega a 182 milhões de toneladas.
Fonte: Querência em Foco com Agrolink

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.