NOTÍCIA - prefeitura/politica

17 de abril de 2018 | MENOR | MAIOR | |

Taques afirma que Pivetta tem “ódio e rancor” no coração

Taques afirma que Pivetta tem “ódio e rancor” no coração

O governador Pedro Taques (PSDB) rebateu o ex-aliado e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), sobre a Caravana da Transformação. Durante ato de filiação do PDT, Pivetta afirmou que a Caravana da Transformação é coisa que se faz nas “aldeias africanas, onde os povos são nômades e não tem endereço fixo para fazer política pública de Saúde”.

O governador se limitou a afirmar não ter “ódio no coração”. “Todos os dias de manhã e na hora de dormir, eu leio o Salmo 91. À estas pessoas, com ódio e rancor, eu peço para rezarem um pouco”, rebateu Taques, quando foi questionado por jornalistas sobre as críticas, na abertura da Caravana da Transformação, na Arena Pantanal, nesta segunda-feira (16).

 

Otaviano Pivetta foi coordenador geral da campanha do governador em 2014 e se afastou depois de Taques apoiar o atual prefeito de Lucas do Rio Verde, Luiz Binotti (PSD), na disputa pela prefeitura. Otaviano, agora, é um dos mais incisivos críticos do governador e articula a candidatura do ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (DEM), ao Governo do Estado.

 

O governador já mandou, diversas vezes, os seus opositores a lerem o Salmo 91, um dos mais populares, no qual Taques gosta mais do sétimo versículo: “Mil cairão à tua esquerda, 10 mil à tua direita, mas tu não serás atingido”.  Taques defendeu a Caravana e prometeu manter o programa enquanto for Governador de MT.

 

“Eu quero dizer que até o prazo que eu for governador do Estado de Mato Grosso, no mínimo até 31 de dezembro de 2018, por obra de Deus e do povo de Mato Grosso, eu não acabo com a Caravana da Transformação e nós vamos mudando os procedimentos médicos da caravana”, finalizou Taques.

Taques afirma que Pivetta tem “ódio e rancor” no coração
Fonte: Querência em Foco com Felipe Leonel.

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.