NOTÍCIA - Saúde

08 de novembro de 2014 | MENOR | MAIOR | |

Querência: Começou neste sábado (08) o dia de mobilização contra a paralisia e o sarampo

Querência: Começou neste sábado (08) o dia de mobilização contra a paralisia e o sarampo

Começou neste sábado (08) a partir das 08:00hrs a campanha nacional de vacinação infantil contra a paralisia infantil e sarampo, a campanha vai até o dia 22 de novembro, e tem como publico alvo crianças de até 5 anos.

A campanha, que tem como objetivo manter a erradicação da poliomielite e garantir a eliminação do sarampo no Brasil, contará com a participação de mais de 350 mil profissionais de saúde. Além disso, estarão disponíveis 42 mil veículos terrestres, marítimos e fluviais, para garantir a vacinação aos locais de difícil acesso. Para garantir que o esquema básico seja  cumprido, as vacinas contra a poliomielite, o sarampo, rubéola e caxumba continuam disponíveis durante todo o ano nos postos de saúde do Sistema Único de Saúde.

Em nosso município os postos de atendimento para vacinação são os postos do Setor A e do Setor F, procurem os postos de vacinação do seu setor para mais informações.

Vacinas

A vacinação contra a poliomielite será destinada a crianças entre seis meses e cinco anos de idade incompletos. A medida tem como objetivo manter a erradicação da doença no Brasil, que não apresenta casos de poliomielite desde 1990. Para isso, o Ministério da Saúde disponibilizou mais de 17,8 milhões de doses da VOP (Vacina Oral Poliomielite) durante a campanha. A meta é vacinar pelo menos 95% do público alvo, cerca de 12 milhões de crianças.

Em relação ao sarampo, a recomendação é que sejam vacinadas crianças entre um e cinco anos de idade (incompletos). A meta é atingir ao menos 95% do público alvo, cerca de 10,3 milhões de crianças. Para isso, o Ministério da Saúde distribuiu mais de 11,8 milhões de doses da vacina tríplice viral, que além de imunizar contra o sarampo, também garante a proteção contra a rubéola e a caxumba.

Sobre as Doenças

POLIOMIELITE – A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave e a única forma de prevenção é por meio da vacinação. Na maioria dos casos, a criança não vai a óbito quando infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada pelo poliovírus e a infecção se dá, principalmente, por via oral. 

Embora, atualmente, o Brasil esteja livre da paralisia infantil, é fundamental a continuidade das campanhas de vacinação, para evitar a reintrodução do vírus no país. De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), 10 países registraram casos de poliomielite em 2013 e 2014, sendo que três deles são considerados endêmicos (Paquistão, Nigéria e Afeganistão).

SARAMPO –  O sarampo é uma doença viral aguda grave e altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns são febre alta, tosse, manchas avermelhadas, coriza e conjuntivite. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções expelidas pelo doente ao tossir, falar ou respirar. As complicações infecciosas contribuem para a gravidade do sarampo, particularmente em crianças desnutridas e menores de um ano de idade. A única forma de prevenção também é por meio da vacina.

Querência: Começou neste sábado (08) o dia de mobilização contra a paralisia e o sarampo
Fonte: Da redação Michel Fasolo

Mais imagens

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.