NOTÍCIA - geral

03 de agosto de 2018 | MENOR | MAIOR | |

Garçom quer R$ 30 mil de Fiuk após ser acusado injustamente de furto

Garçom quer R$ 30 mil de Fiuk após ser acusado injustamente de furto

Um garçom do Hotel Sheraton, do Rio de Janeiro, entrou na Justiça contra o ator e cantor Fiuk, filho de Fábio Jr. Segundo o processo, o homem quer R$ 30 mil de indenização após ter sido acusado injustamente de furto pelo artista.

No processo, a vítima diz que Fiuk foi até a recepção do hotel e acusou o funcionário de ter furtado uma aparelho celular logo depois que ele retirou a louça suja do local. A polícia foi chamada e não encontrou nada com o garçom.

O artista não se desculpou com a vítima e, segundo o processo, continuou ofendendo o rapaz. A assessoria de imprensa de Fiuk disse que ele não vai se pronunciar sobre o assunto. O processo começou em 2014.

 

Garçom quer R$ 30 mil de Fiuk após ser acusado injustamente de furto
Fonte: Querencia em Foco com Metrópoles.

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.