NOTÍCIA - Agronegócio

27 de setembro de 2018 | MENOR | MAIOR | |

2018 Produtores de leite de Santa Catarina aumentam a produção em 20%

2018 Produtores de leite de Santa Catarina aumentam a produção em 20%

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) concluiu, nesta semana, o Projeto Mapa Leite em Santa Catarina. As ações beneficiaram 855 propriedades rurais com a metodologia inovadora de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG), resultando na melhoria da produtividade, qualidade do leite e geração de renda.

Os índices de produtividade apontam a melhoria da qualidade de vida dessas pessoas. Foi registrado um aumento diário de 20% na produção de leite e crescimento de 30% na produção por hectare. Os produtores ainda tiveram redução de 26% nas despesas diretas por litro de leite produzido.

Durante 22 meses, os produtores receberam as visitas dos técnicos de campo para o desenvolvimento das cinco etapas da ATeG do Senar: diagnóstico produtivo, planejamento estratégico, adequação tecnológica, capacitação profissional e avaliação sistemática de resultados.

A produtora de leite no município de Seara, Clarice Inês Arend Haboski, foi uma das participantes do Mapa Leite. Graças ao projeto, ela aumentou o número de vacas em lactação e a produção cresceu 16%.

O trabalho ficou ainda mais rentável com a melhoria da qualidade do leite. Por causa disso, ela passou a receber R$ 0,11 a mais em cada litro como forma de bonificação.

“Tudo começou a melhorar depois da assistência técnica. Estamos seguindo todas as orientações do técnico. Já fizemos algumas adequações no local de ordenha e a expectativa é de desenvolver cada vez mais. Só tenho a agradecer por todo o trabalho”, destacou Clarice.

De acordo com a coordenadora de Projeto Mapa Leite no Senar, Luana Frossard, os resultados demonstram a evolução da qualidade do produto.

“Apesar do cenário desfavorável, em 2017, em função da queda do preço do leite, os produtores conseguiram receber um valor mais alto devido à qualidade no processo produtivo”, destacou Luana, acrescentando que o projeto Mapa Leite fez diferença na vida dos produtores.

O Mapa Leite, realizado em parceria com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), auxilia no desenvolvimento da cadeia produtiva e na melhoria da qualidade do produto. Santa Catarina foi o primeiro estado a finalizar projeto, que continua a beneficiar produtores de leite em Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

2018 Produtores de leite de Santa Catarina aumentam a produção em 20%
Fonte: Querência em Foco com Assessoria de Comunicação CNA/SENAR.

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.