NOTÍCIA - Agronegócio

09 de outubro de 2018 | MENOR | MAIOR | |

Aumentou o número de UFs exportadoras de carne de frango

Aumentou o número de UFs exportadoras de carne de frango

O último dado da SECEX/MDIC relativo às Unidades Federativas brasileiras exportadoras de carne de frango surpreende. Porque aumentou em quase 30% o número de UFs que efetuam negociações externas com o produto: no fechamento do primeiro semestre eram 17; agora elas somam 22 UFs.

Detalhando, entre janeiro e junho deste ano o rol de UFs exportadoras foi composto pelos três estados do Sul (PR, SC e RS), pelas quatro UFs do Centro-Oeste (MS, GO, MT e DF), por três do Sudeste (SP, MG e ES), por três do Nordeste (PE, BA e PB) e por quatro da Região Norte (TO, PA, RR e AM).

Agora, passam a integrar o “clube” os estados do Acre e Rondônia, pela Região Norte; Ceará e Maranhão, pelo Nordeste; e o Rio de Janeiro, pelo Sudeste. Isto, sem contar que o último dado da SECEX/MDIC traz uma inédita Zona Não Declarada, com pouco mais de uma tonelada de produto exportado.

Nada disso, porém, altera o status anterior das exportações. Ou seja: a Região Sul permanece na liderança absoluta e com participação crescente no setor. Nos mesmos nove meses de 2017 respondeu por 77,29% do total exportado e, neste ano, por 79,45%, quase 3% a mais.

Vale notar, aqui, que esse ganho foi proporcionado sobretudo por Santa Catarina, já que Paraná e Rio Grande do Sul registraram redução no volume exportado. Aliás, junto com Santa Catarina, apenas três outros estados fecharam os nove primeiros meses de 2018 com aumento no volume exportado: Espírito Santo, Paraíba e Roraima.

Aumentou o número de UFs exportadoras de carne de frango
Fonte: Querência em Foco com Avisite.

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.