NOTÍCIA - geral

20 de outubro de 2018 | MENOR | MAIOR | |

Monique Evans diz que sofreu assédio moral de diretor de TV

Monique Evans diz que sofreu assédio moral de diretor de TV

Monique Evans se sentiu encorajada a abrir o coração depois que a apresentadora Íris Stefanelli - que foi demitida da Rede TV! - revelou em uma entrevista para o canal de Mamma Bruschetta ter sido vítima de assédio moral durante os 11 anos em que foi funcionária da emissora.

Segundo a ex-BBB, um diretor, que ela preferiu não citar o nome com medo de retaliações, "passou a vida tentando puxar seu tapete". Nesta quinta-feira (18), em conversa com QUEM, Monique, que também trabalhou na Rede TV! por vários anos, confessou que também sofreu assédio moral do mesmo diretor. "Não falo o nome do profissional porque posso ser processada. Mas eu fazia várias matérias e ele dizia que eu não tinha feito nenhuma. Ria da minha depressão, não colocava as minhas matérias no ar e me mandava para as pautas mais estranhas sem a menor segurança", conta.

Monique conta que sofria por ter de lidar com tantas humilhações. "Foram muitos e muitos anos convivendo com isso, com ele debochando de mim e me mandando para matérias furadas. Só fazia externa e quando eu falava com as pessoas de lá e chorava, elas não queriam se meter com medo de perder o emprego. Ele é o diretor de um programa e está lá até hoje. Fui embora porque ele foi me dirigir no Gala Gay e quando me chamavam e eu começava a entrevistar, ele me cortava e passava para outro repórter. E eu que dava a maior audiência! Chorei muito!", lembra.

A apresentadora lamenta que ninguém faça nada em relação ao mal que ele causa à equipe. "O pior é que ele não trabalha, fica na internet enquanto as outras pessoas fazem o trabalho dele. Só estou falando isso agora porque a Iris falou. Porque há muitos anos tenho essa mágoa. Por causa disso minha depressão piorou. E ele é de família rica, não tem por que viver disso, é vaidade. O que sofri com essa pessoa ninguém tem noção. Ao mesmo tempo que eu era de uma felicidade enorme quando eu estava fazendo o trabalho, era muito infeliz por ter que conviver com ele", recorda.

Procurada por QUEM, a assessoria de imprensa da Rede TV! informou que a emissora não vai se manifestar sobre o caso.

Caso Iris Stefanelli


Demitida da RedeTV!, Íris Stefanelli disse ter sido vítima de assédio moral dentro da emissora. Em entrevista ao canal de Mamma Bruschetta, ela contou que recebeu ameaças de um diretor.

"A RedeTV! é uma mãe, uma empresa maravilhosa, mas passei 11 anos com o carma de um diretor que eu vou te falar uma coisa. Pensei em desistir, porque se eu pegar outro desse não sobrevivo não. Ele passou a vida tentando puxar meu  tapete. Se eu falar dele, vai me processar. Ele já me ameaçou um dia. Se eu tive que pagar algum pecado, paguei ali", falou.

"Esse homem ia ao meu camarim todo dia: 'Você vai ter que sair'. Era um terror! 'Seu salário é muito bom, tem muita gente querendo o seu lugar'. Era todo dia essa ameaça, isso me dava medo. Já chorei muitas noites por causa disso", relatou.

Monique Evans diz que sofreu assédio moral de diretor de TV
Fonte: Querência Em Foco com Da Quem.

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.