NOTÍCIA - Policial

21 de dezembro de 2018 | MENOR | MAIOR | |

Soropositivo é acusado de engravidar a enteada de 14 anos

Mãe desconfiou da gravidez da filha e a levou para uma policlínica; crimes ocorriam há um ano e meio
Soropositivo é acusado de engravidar a enteada de 14 anos

A Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica) prendeu nesta quinta-feira (20) um homem acusado de estuprar e engravidar a enteada de 14  anos. A garota está com sete meses de gestação.

 

E.C.S., de 43 anos, foi preso no Bairro Alvorada, no local de trabalho, após ter a prisão preventiva decretada pela Justiça. Ele é soropositivo e acabou contaminando a vítima, que era abusada desde os 12 anos de idade.

 

A comunicação do fato foi feita no dia 14 de dezembro, após a mãe desconfiar da gravidez da filha. Mas ela achava que era de um namorado da menina que teria no bairro.

 

A mãe levou a adolescente para exames em uma policlínica, onde a enfermeira observou  uma alteração nos resultados. Um dos exames constatou que a menina era portadora do vírus HIV.

 

 

A mãe chamou a menina para conversar e ela acabou confessando que mantinha relação com o padrasto desde os 12 anos e que o filho que esperava era dele.

 

Nem a mãe e a adolescente sabiam que o suspeito era soropositivo, e ele acabou confessando que era portador do vírus e que tinha encerrado o tratamento.

 

A garota contou que a primeira vez que ocorreu o estupro foi em maio de 2017, momento que estava sozinho em casa com as irmãs. A garota revelou que desde que os abusos iniciaram o suspeito nunca usou preservativo.

 

A vítima de 14 anos tem duas irmãs de 11 e 12 anos que serão submetidas a exame de corpo delito para se saber se elas também foram estupradas.

 
 
 
 
 

Soropositivo é acusado de engravidar a enteada de 14 anos
Fonte: Querência em Foco com Midia news

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.