NOTÍCIA - geral

06 de fevereiro de 2019 | MENOR | MAIOR | |

Comissão organizadora realiza primeira reunião para definir Expoquer 2019

Há três atrações musicais definidas.
Comissão organizadora realiza primeira reunião para definir Expoquer 2019

Nesta quarta-feira (06), uma comissão formada pelos representantes do Sindicato Rural, Associação Comercial e Empresarial de Querência, Prefeitura Municipal e Câmara Municipal de Veradores, se reuniram logo após o café da manhã do Sindicato Rural, que acontece toda quarta-feira, para tratar sobre a Expoquer 2019.

Os assuntos tratados na reunião foram referentes às atrações do evento, entre elas, as atrações musicais. Sobre este assunto, o presidente da comissão, prefeito Fernando Görgen, disse que a equipe está se adiantando para que até o mês de março esteja tudo definido.

"Os shows já tem definido Leonardo, De Paulo e Paulino e Bob Robson, hoje ou amanhã define os outros shows do sábado. Agora a comissão deve acelerar. Cada um cuida de um departamento para colocar os ingressos à venda o mais rápido possível e todo mundo (público) começar a se programar e comprar os seus ingressos." Afirmou em entrevista.

Outra preocupação da comissão é dar uma roupagem nova para festa, por isso a proposta é que o parque tenha uma organização logística diferente dos anos anteriores.

"A ideia esse ano é trazer uma roupagem nova no Parque na parte do palco e da arena do rodeio, a gente vai mudar a configuração para ficar mais agradável para as pessoas. Os expositores vão continuar no mesmo lugar."€ Explicou Marcelo Cunha, advogado do Sindicato Rural e membro da comissão organizadora.

Cada uma das entidades que compõe a organização terá dois representantes dentro da comissão. Esta é a 13ª edição do evento que acontecerá nos dias 06 a 09 de junho.

 

Prestação de contas

No ano passado, foi questionada pela Câmara Municipal de Vereadores a prestação de contas da Expoquer 2018. Depois de solicitar à prefeitura e a Associação Comercial e Empresarial de Querência, a câmara obteve os documentos.

Os dois pontos levantados foram, a demora em prestar de contas do dinheiro envolvido no evento e também o uso de recibos para justificar algumas despesas. A prestação de contas está sendo analisada na Câmara de Vereadores, no entanto o presidente da casa já disse que para a festa deste ano será elaborada um documento pelos vereadores com ressalvas, dando um prazo para a prestação de contas e pedindo que todas as despesas sejam comprovadas mediante notas fiscais.

"Há uma necessidade (das notas fiscais) para que a tributação não seja diminuída. Outra coisa importante é a questão do Tribunal de Contas. Só se presta contas diante de nota fiscal. Então fica bem acertado agora que essas notas serão retiradas na prefeitura."€ Explicou o presidente da Câmara, vereador Professor Neriberto.

O presidente da festa no ano passado também foi o prefeito Fernando Görgen, ele disse que a comissão errou e que aceitará as recomendações dadas para que neste ano não haja esse tipo de falha.

"Houve falha, demorou muito para fazer essa prestação de contas. E eu passei muita vergonha como presidente da comissão. Então houve essa reclamação e com justiça, dos vereadores, eles estão certos. Mas não tem nada, não tem desvio de recursos. O convênio está com as contas prestadas, algumas coisas estão com recibo, a sugestão do legislativo é que seja usadas notas fiscais para que seja o mais transparente possível para a população." Disse.

A prestação de contas passada aos vereadores pela comissão do ano passado, está em análise e deve ser votada em breve.

Comissão organizadora realiza primeira reunião para definir Expoquer 2019
Fonte: Redação

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.