NOTÍCIA - geral

22 de fevereiro de 2017 | MENOR | MAIOR | |

Mototaxistas pressionam e projeto de transporte Tuk-tuk sai da pauta em Barra do Garças

Mototaxistas pressionam e projeto de transporte Tuk-tuk sai da pauta em Barra do Garças

Um projeto de autoria do vereador Geralmino Neto (PSB) foi retirado de pauta na sessão ordinária da Câmara de Barra do Garças, na noite desse segunda (20), por forte pressão dos mototaxistas e taxistas que exploram o transporte de passageiros na cidade. A matéria implantaria uma nova modalidade de transporte alternativo com o uso de triciclo, o "tuk-tuk", como é chamado.

De acordo com o projeto, o transporte por meio do "tuk-tuk", comum nos países asiáticos, utilizaria um triciclo com cobertura e atenderia os pontos turísticos de Barra do Garças, com a vantagem de custo baixo, contudo, teve a rejeição de mototaxistas e taxistas que compareceram em grande número na sessão de ontem. Em maioria, os trabalhadores rejeitaram a ideia.

"A ideia era que os próprios moto-taxistas explorassem o limite de até cinco vagas dentro da própria categoria, sem abertura de concorrência, no entanto, como a maioria foi contra, minha opção foi retirar a matéria, embora acredito que esse tipo de transporte é interessante para uma cidade turística como Barra.  Já é explorado nos países europeus e seria uma atração a mais para o turista", disse o vereador Neto.

Segundo o presidente do sindicato dos MotoTaxistas, Raimundo Nonato Pereira, prevaleceu a vontade da classe ao comparecer ontem ao plenário da Câmara e se posicionar contrário ao projeto. "As vagas seriam abertas dentro do universo de 300 mototaxistas, que já exploram o transporte na cidade, mas como todos foram contrários, tive que acatar a decisão. Embora a matéria seja interessante, não poderia votar contra a categoria", ressaltou o sindicalista.

Caso fosse implantado, o "tuk-tuk" poderia transportar até dois em triciclos já projetado para esse tipo de veículo. Hoje, o mercado fabrica esse tipo de transporte no Brasil com estrutura mais moderna em relação aos que são vistos nas ruas em países da Ásia, como na Índia, por exemplo.

Mototaxistas pressionam e projeto de transporte Tuk-tuk sai da pauta em Barra do Garças
Fonte: Querência em Foco com RDNews

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.