NOTÍCIA - Policial/Acidente

02 de maro de 2017 | MENOR | MAIOR | |

Bebê com doença no coração e que precisava de tratamento morre em MT.

Família descobriu que a criança tem uma inflamação e dilatação no coração. Bebê, de 5 meses, teve mais de 10 paradas cardíacas, segundo a família.
Bebê com doença no coração e que precisava de tratamento morre em MT.

A bebê Ângela Louisy Guimarães dos Santos, de 5 meses, diagnosticada com cardiomiopatia – uma doença que leva a uma malformação no coração, e que precisava de tratamento, morreu na noite desta quarta-feira (1º), em Cuiabá. Ela estava internada no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá desde sábado (25), ocasião em que foi transferida do Hospital Regional de Sinop, a 503 km de Cuiabá. A criança tinha uma inflamação e dilatação no coração.

A família, que não tinha condições de custear um tratamento, entrou com pedido na justiça e conseguiu liminares para que o município e o governo estadual fizessem uma transferência e um tratamento de saúde adequado para Ângela. A transferência ocorreu no último final de semana, quando a menina foi transferida de avião por meio de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea até Cuiabá.

Segundo a família da criança, a menina teve mais de 10 paradas cardíacas entre o dia 20 de fevereiro e o dia 1º. Enquanto estava internada, a bebê teve febre e infecção no pulmão. Médicos, inclusive cardiologistas, acompanharam o caso da criança. Os profissionais não sabiam a causa da doença e usaram medicamentos para combater a inflamação no coração.

Em uma rede social, o pai da menina, Jackson Kennedy Pereira dos Santos, agradeceu o apoio  (Foto: Reprodução/ Facebook)

Em uma rede social, o pai da menina, Jackson Kennedy Pereira dos Santos, agradeceu o apoio e carinho da família, amigos e pessoas que se solidarizaram com a história da filha.

“Nesse momento queremos agradecer a todas as pessoas...velhos amigos, novos amigos ou que simplesmente foram humanos, se colocaram no nosso lugar como pais e intercederam incessantemente em todo Brasil pela recuperação da nossa pequena guerreira que por várias vezes esqueceu que era apenas um bebê de 5 meses e tentou levantar ao ouvir nossa voz”, declarou Jackson.

A família ainda não se pronunciou sobre o local do velório de Ângela.

Bebê com doença no coração e que precisava de tratamento morre em MT.
Fonte: Querência em Foco com G1 MT

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.