NOTÍCIA - prefeitura/politica

12 de maro de 2017 | MENOR | MAIOR | |

Maluf diz que AL fez caixa para “eventuais momentos difíceis”.

Primeiro secretário diz, ainda, que não é momento de se executar ampliação de prédio do Legislativo
Maluf diz que AL fez caixa para “eventuais momentos difíceis”.

O primeiro secretário da Assembleia Legislativa, deputado Guilherme Maluf (PSDB), revelou que a economia feita pelo Legislativo, no último ano, o deixa preparado para eventuais “momentos mais difíceis”. 

Desde a metade do ano passado, o Governo vem sofrendo dificuldades em repassar o duodécimo dos Poderes, recurso destinado pelo Poder Executivo para as despesas das instituições públicas. A dívida dos valores, somados com o excesso de arrecadação, que estão atrasados chegam a pouco mais de R$ 400 milhões.

“A Assembleia é saudável do ponto de vista financeiro. Fizemos algumas previsões no orçamento, temos recursos a serem recebidos e que estão atrasados. Mas é um momento de crise e estamos trabalhando no sentido de fazermos algumas economias. Mas temos um caixa para superar eventuais momentos mais difíceis”, disse em entrevista à rádio Capital FM, na última semana. 

Apesar de não revelar o montante, nos bastidores a informação é de que o caixa do Legislativo chegue a quase R$ 100 milhões. 

Segundo Maluf, a última Mesa Diretora tomou uma série de medidas visando corte de gastos em meio a um temor de que a crise de caixa do Executivo piorasse. 

“Cortamos horas-extras, reduzimos o número de contratos. No entanto, estamos nos preocupando com os momentos mais difíceis, se chegarem, para que a gente possa cumprir com todas nossas atribuições”, afirmou.

Sem reformas

O tucano ainda descartou possíveis reformas na estrutura da Assembleia Legislativa. 

Isso porque, no final do ano passado, o deputado estadual Ondanir Bortolini, o Nininho (PSD), chegou a dizer que o Legislativo teria um caixa de R$ 60 milhões para execução de projeto de ampliação com cinco pisos de estacionamento, novo restaurante, creche, biblioteca, escola, entre outros itens. 

Para Maluf, este não é o momento de se realizar esse tipo de obra.

“Ainda não foi discutida essa tese. Da minha parte acredito que não é o momento. E acredito que o presidente Eduardo Botelho pensa do mesmo modo”, completou.

Maluf diz que AL fez caixa para “eventuais momentos difíceis”.
Fonte: Querência em foco com DOUGLAS TRIELLI

Comentários

Deixe um comentário sobre esta notícia.