Querência – MT – 18 de maio de 2024

Projetos em Duque de Caxias podem ser exemplo para outras cidades


Os dois projetos de desfavelização em andamento no município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, podem servir de modelo para o desenvolvimento de outros semelhantes em outras partes do Brasil. Um deles é o Teixeira Mendes, no bairro Sarapuí, onde 1.245 famílias viviam em condições precárias na comunidade Dique I, e 900 foram transferidas para condomínios no bairro São Bento, construídos por meio dos programas de Aceleração de Crescimento (PAC) e Minha Casa, Minha Vida, do governo federal.

Segundo a Prefeitura de Caxias, as casas da comunidade foram demolidas, e no local foi construído o viaduto de Gramacho, com investimentos do Ministério das Cidades para acabar com os engarrafamentos e acidentes naquela região. Também foi construído um dos maiores parques de lazer linear do estado, que está em fase final de conclusão das obras. Os visitantes terão à disposição um campo de futebol, pista de skate, espaços ao ar livre de academia de ginástica e ciclovia, entre outros equipamentos esportivos.

O outro projeto, ainda fase inicial de obras, é na comunidade do Parque Vila Nova, no centro do município, que vai beneficiar mais de 4 mil famílias. No local será construído um novo condomínio, para onde os moradores serão transferidos, com garantia do acesso aos serviços públicos essenciais. O projeto prevê ainda uma creche, escola, área de lazer e uma unidade básica de saúde.

“O canal Caboclo, que cruza a comunidade, está sendo canalizado e tendo sua calha ampliada para acabar com as enchentes e alagamentos que ocorrem em períodos de fortes chuvas”, informou a prefeitura, que promete ampliar a parceria com ministério para novos programas no município.

Depois de visitar os projetos, hoje (17), o ministro das Cidades, Jader Filho, disse que a pasta vai fazer um estudo para definir como o modelo pode ser replicado no país. “Todas as avaliações vão ser feitas. Projetos como este aqui precisam ser levados para outras partes do Brasil. Com isso aqui, a gente traz saúde, lazer, e toda essa parte de urbanização e valorização das casas dessa região. É isso que a gente tem que fazer, pegar exemplos como este, pesquisar ao longo do Brasil, para que a gente possa replicar ele em outras cidades do nosso país”, disse.

O secretário de estado de Transportes e Mobilidade Urbana, Washington Reis, ex-prefeito de Caxias, que acompanhou o ministro na visita ao lado de Wilson Reis, prefeito da cidade, lembrou que o projeto Teixeira Mendes teve início no primeiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem agradeceu pela conclusão do projeto. Segundo Washington Reis, as famílias que não foram para o condomínio, receberam uma indenização para morarem em outras residências.



agenciabrasil

Últimas notícias

Gostou? então compartilhe!